Hortas suspensas


O cultivo de hortaliças em pequenos lugares tem se tornado comum em ambientes urbanos. Mesmo sem espaço disponível em casa, é possível plantar alface, cebolinha, tomate e outras verduras e legumes em uma horta suspensa. As hortas suspensas, assim como o próprio nome sugere, são hortas que ficam presas a paredes. Estas são hortas pequenas, normalmente feitas com garrafa pet, pois assim, além de plantar, você recicla este material, sendo, portanto 100% sustentável. Consequentemente, a horta em si é formada por várias garrafas. Com objetivo de aplicar uma atividade prática sustentável para trabalhar os conceitos de alimentação saudável, reutilização de material, ciclo da água e do solo, desenvolvi no dia 22 de novembro de 2017 uma atividade relacionada ao meio ambiente e a sustentabilidade, com os alunos do 6º ano de uma escola pública do município de Cerro Largo. A atividade escolhida foi à criação de uma horta suspensa nas mediações da escola, onde seriam plantados pelos alunos temperos e saladas.
Para a construção da estrutura da horta suspensa utilizamos garrafas PET, que eram cortadas na lateral para fazer a abertura onde seria inserida a planta, também foram feitos furos na mesma para o escoamento da água e para prendê-las. As garrafas foram presas pelas suas duas extremidades, a extremidade do bocal e a extremidade de baixo onde foram feitos furos para inserção do fio, o fio era de tecido bastante rígido. Em seguida essas garrafas foram amarradas, pelas suas duas extremidades, na tela do parquinho da escola. Para finalizar foi feito o plantio das mudas de salsinha, cebolinha e alface, para o plantio utilizamos a terra trazida pelos alunos e também pegamos a terra da composteira da escola.
Para o desenvolvimento da atividade, os alunos tiveram que se envolver muito, desdá aquisição dos materiais até a construção da estrutura para a horta. Muitos dos alunos não sabiam o que é uma horta suspensa então expliquei para eles o conceito que é bastante recente. Explanei a importância da alimentação saudável com alimentos sem agrotóxicos e como uma horta suspensa em casa pode ajudar nessas situações, principalmente em moradias com pouco espaço como os apartamentos. Também falei sobre o conceito da reutilização que foi empregado na construção da horta suspensa ao utilizarmos as garrafas PET como material.
A prática também foi relacionada com os conceitos de ciclo da água e do solo, que eram os conteúdos que estávamos ministrando para os alunos no momento. Mostramos o processo de condensação que começou a ocorrer nas garrafas que estavam expostas ao sol depois do plantio, e retomamos conceitos de evaporação e evapotranspiração nas plantas. Em relação ao solo salientamos a importância de colocarmos matéria orgânica da composteira nos vasos, explicamos como era o processo de decomposição da matéria vegetal na composteira e salientamos a importância de ter minhocas e microorganismos no solo e inclusive nas nossas garrafas PET.

Os alunos afirmaram ter gostado da atividade, não acharam difícil a construção da horta e conseguiram relacionar com os conceitos teóricos trabalhados em sala de aula com a prática realizada. Assim como aprenderam um pouco mais sobre a importância da alimentação saudável e como ela pode ser realizada através de plantios alternativos que são de baixo custo e ainda podem ser feitos com reuso de materiais.
Daniele Bremm – Bolsista PETCiências

0 comentários :

Postar um comentário

Direitos Autorais © ­PET Ciências | Hospedado em Blogger
Desenvolvido por Viva Themes | Tema do Site por New Blogger Edição por Blog no Mundo