As Atividades Ambientais na Escola: Um Espaço de Diálogos



Um dos grandes objetivos do PETCiências da UFFS é o desenvolvimento de ações voltadas ao meio ambiente, de modo que a medida que se formam os novos professores em contexto de atuação prática nas escolas da região, também são desenvolvidas atitudes sócio-científicas e sócio-ambientais. Durante o mês de novembro de 2017 os PETianos Rafaela e Daniel que atuam na cidade de Cerro Largo no Colégio La Salle Medianeira, desenvolveram uma prática voltada a educação ambiental com o 8º ano do ensino fundamental, estruturada em quatro encontros. No primeiro encontro os alunos foram instigados a apresentar suas concepções de ambiente através de desenhos, após esta etapa as concepções de meio ambiente e natureza foram problematizadas através de discussão com os alunos. No segundo encontro, os alunos receberam cartoons em que uma série de perguntas foram relacionadas com estes para a partir delas ser possível elaborar um cartaz envolvendo as concepções ambientais retratada nos cartoons e desenvolvendo a criticidade dos alunos sobre o tema ao responderem as perguntas propostas.  No terceiro encontro os alunos assistiram o filme "Animais Unidos Jamais Serão Vencidos", momento em que novamente questões relacionadas ao ambiente e que remetiam ao enredo do filme foram problematizadas. Por fim, no último encontro, os alunos jogaram o jogo da memória ambiental envolvendo pares de cartas com imagens críticas e respondendo as perguntas referentes a cada par formado, e logo após, em potes de flor e com auxílio dos bolsistas foi realizado o plantio de mudas de pimentão, que os alunos levaram para casa. A ideia principal era compreender que elementos básicos (brita, areia e terra) eram necessários para fazer o plantio de qualquer planta, além de ser uma ótima alternativa para produzir alimentos em casa e pequenos espaços, o pimentão é uma das hortaliças mais cultivadas no Brasil e tem recaído na mídia como um dos produtos com maior teor de agroquímicos, sendo assim realizamos o plantio de mudas de pimentão que além de serem baratas estarão sendo produzidas e consumidas com a garantia de que não há pesticidas. Destacamos que estas atividades além de colaborarem a formação de novos professores de Ciências (PETianos em questão), propiciam aos estudantes o desenvolvimento de um olhar mais crítico sobre e para a natureza, com a comunidade na qual vivem e também sobre os alimentos que consomem. É importante ainda, que a escola seja um espaço de diálogo permanente ao que se refere às questões ambientais, trazendo ao debate as mais diversificadas problemáticas ao compreender que somos parte e que fazemos do ambiente.
por: Daniel Marsango, Rafaela Engers Günzel, Roque Ismael da Costa Güllich





0 comentários :

Postar um comentário

Direitos Autorais © ­PET Ciências | Hospedado em Blogger
Desenvolvido por Viva Themes | Tema do Site por New Blogger Edição por Blog no Mundo